Aprender francês do zero

Aprender um idioma novo é abrir novas oportunidades, tanto profissionais quanto pessoais. Criam-se novas possibilidades de viagem, de emprego, de amizade… Aprender um idioma do zero pode parecer bem complicado quando não se tem base nenhuma da língua.

Acabamos escolhendo os idiomas por afinidade e nem tanto por já ter uma base de conhecimento. Por que cada um escolhe uma língua e não outra na hora de começar a aprender? Muitos aprendem francês do zero depois de já falarem em inglês ou espanhol, que costumam ser as línguas mais internacionalizadas. Em viagens no exterior, falar algumas frases em inglês ou espanhol sempre ajuda.

A escolha por aprender francês é uma escolha que abre muitas portas e é um idioma relativamente fácil de aprender o básico. Como o francês é uma língua latina assim como o português, muitas palavras são bem parecidas.

 

Ser iniciante em francês não é fácil, mas não podemos negar que os franceses são bem simpáticos com quem está aprendendo francês. Os franceses costumam dizer que falamos bem, pois reconhecem quando fazemos um esforço para aprender o idioma deles. Então se o seu nível é francês iniciante, não tenha medo de falar com um francês. Acredito que seja a melhor forma de aprender a falar em francês. Errar, errar, até acertar.

Falar em francês rápido

Eu aprendi francês na França. Tive poucas noções de francês antes de vir morar na Europa. Gostaria de ter aprendido um pouco mais no Brasil, mas chegando aqui aprendi o básico bem rápido, questão de sobrevivência =)

Reuni algumas dicas para aprender francês sem sair de casa (maneira de dizer), métodos baratos ou até gratuitos de falar em francês. São métodos de aprendizagem que funcionaram comigo, mas acho que podem funcionar com todo mundo, desde que adaptados a cada um.

Métodos para aprender francês

Método visual

A primeira dica que recomendo a fazer é pegar um livro português e francês (ou só francês) e começar a ler em francês. Pode ser um livro curto. Isso ajuda a se familiarizar com a escrita do francês. Mesmo que você não entenda todas as palavras e frases c’est pas grave! O importante é tentar aprender e compreender o que está escrito. Vai chegar em um momento que você vai começar a entender. Pegue um livro fácil e contemporâneo, com no máximo 200 páginas. Quem sabe até um livro que você já tenha lido em português e tenha gostado.

Esse é o método que melhor funcionou para mim no início, naquele momento em que eu tive que virar a chave e realmente começar a entender francês. Na verdade esse método foi o que sempre melhor funcionou para mim em qualquer tipo de aprendizagem, gosto de aprender através de leitura, gráficos, imagens e mesmo quando estou escutando uma aula, gosto de escrever ao mesmo tempo.

Algumas pessoas podem achar o método acima um pouco chato. Tem que estar bem motivado para ler em francês sem compreender tudo. As vezes também nem é questão de motivação, as pessoas aprendem de maneiras diferentes e isso deve ser levado em conta.

Dicas para melhorar seu aprendizado

– Priorize ambientes calmos. Se não for possível, passe em uma farmácia e compre aqueles protetores auditivos para não escutar barulho.

– Faça fichas de leitura com o que você aprendeu

– Treine a sua escrita em francês, simplesmente escreva algumas frases prontas

– Tenha canetas de várias cores para suas notas e rascunhos

 

Método auditivo

Para as pessoas que não se adaptaram ao método visual, vou escrever sobre o método auditivo. No método auditivo, as pessoas tem que escutar, como o próprio nome indica. Como estou passando dicas de francês sem aulas com professor, a ideia é aprender francês por conta própria. Então o método auditivo de aprendizagem de francês que funcionou comigo foi o da música e da televisão, lá no início quando cheguei na França.

Treinei meus ouvidos para escutar o francês falado e cantado. Para falar bem a verdade, no início não compreendia nada do francês. Quando estava com um grupo de franceses e eles começavam a falar entre si, não compreendia nada da conversa. É uma situação bem ruim, pois como eu não sou muito do método auditivo, me desconectava bem rápido das discussões.

Então resolvi aliar o método auditivo ao método visual. Comecei a ver filmes em francês legendados em francês. Assim conseguia compreender melhor todas as conversas e as pronúncias. Esse método me ajudou bastante mesmo.

As músicas me ajudaram bastante também, mas no início não conseguia entender as « paroles », confundia bastante as palavras. Então comecei a pesquisar as letras das músicas em francês, ao mesmo tempo que escutava as músicas no youtube. Esse método me ajudou tanto no aprendizado do idioma quanto no conhecimento das músicas. É melhor cantar sabendo a letra :)

Dicas para melhorar seu aprendizado

– Utilize vídeos e áudios na internet com dicas de francês, existem vários cursos online pelo youtube que são gratuitos

– Assista filmes em francês. Em um primeiro momento deixe as legendas em português, mas tente ouvir bem a voz dos personagens. Em um segundo momento, quando estiver um pouco melhor no idioma, coloque as legendas em francês

– Escute músicas em francês. Que tal conhecer as músicas de cantores franceses contemporâneos?

– Leia em voz alta

 

Método sinestésico

O método sinestésico é a aprendizagem colocando a mão na massa. É a prática do dia-a-dia. Para mim, funcionou muito e acredito que seja o método que melhor funcione no aprendizado de um idioma estrangeiro. Estava na França e simplesmente tentava falar em francês. No início foram muitos mais erros do que acertos, muitas pessoas que não entendiam o que eu queria falar, até que começou a funcionar, comecei a aprender.

Para quem mora no Brasil, esse método tem que ser adaptado. Se o estudante não puder ter aulas de francês com um professor, pode encontrar um amigo francês que esteja disposto a conversar em francês.

Outra dica para quem aprende pela prática é comprar livros com exercícios de francês. Assim, o aluno pode testar suas competências linguísticas de uma maneira bem rápida.

Dicas para melhorar seu aprendizado

– Faça muitos exercícios em francês. Existem vários livros e sites que podem ajudá-lo a melhorar o seu francês

– Faça amizade com um francês ou alguém que fale francês muito bem

– Leia, fale e escreva em francês pelo menos 15 minutos ao dia, todos os dias

Sites com exercícios em francês gratuitos

Français Facile

CCDMD: francês canadense

Ciel: exercícios de francês para todos os níveis

Bonjour de France: exercícios de francês para todos os níveis

Prononciateur: exercícios de pronúncia de francês através do seu microfone do computador

France Langue: teste de francês

Através desses métodos, em poucos meses você terá o conhecimento básico do francês e terá bases para melhorar de nível. O importante é tentar aprender francês escrito e falado, pois são complementares no aprendizado. Tente encontrar o método que melhor se adapta a você.

Se um método não estiver funcionando para você, volte ao texto e procure um novo método. Lembre que a mistura desses métodos também é importante, mas sempre vamos preferir uma maneira ou outra.

Se puder, deixe recado sobre o avanço dos seus estudos nos comentarios. Eu respondo em 24 horas (pode conferir). Gostaria de saber se os métodos estão funcionando para você assim como funcionaram para mim. Porque eles realmente funcionaram!

Gostou das dicas? Compartilhe com quem você acha que pode curtir =)

Aprender francês rápido

 

Artigos que vale a pena conferir se você está aprendendo francês:

Palavrões em francês com tradução

Palavras e frases em francês com tradução e fonética

Frases de amor em francês com tradução



Booking.com

Likes(18)Dislikes(0)

Author: Morar em Paris

Share This Post On
468 ad

9 Comments

  1. Liége,
    Seu texto veio no momento exato. Estou buscando por sugestões de materiais e técnicas de estudo do idioma francês. Busquei ajuda em um grupo do facebook e encontrei muitas sugestões. Estou iniciando pelo metodo roseta, tv5monde e um curso desenvolvido pela universidade do texas. Espero alcançar pelo menos, ao final de 2015, o nível A2.

    Likes(8)Dislikes(0)
    Post a Reply
  2. Obrigada por dividir suas experiências!
    São sempre enriquecedoras. Eu moro na França desde Janeiro desse ano. Fiz o A1 no IFESP em São Paulo (recomendo muito), e em fevereiro comecei o A2 na Sorbonne (Curso de Civilização Francesa), muita, muita gramática. Eu juro que a cabeça quase pifou nesses últimos meses. Não me sinto preparada para falar ainda. Mas tenho feito a lição de casa direitinho. Estou lendo livros em Francês, assistindo filmes, seriados em Francês com legenda em francês. Mas não posso negar, que ando desanimada. A sensação que eu tenho e que quanto mais estudo, menos aprendo. Estou fazendo aula por skype B1, ou tentar pular um nível na Sorbonne. Meu foco é tirar o TCF em fevereiro e me matricular para fazer o Master 2 na França.

    Likes(1)Dislikes(0)
    Post a Reply
    • Oi Renata, tudo bem?
      Está morando na França desde janeiro, que legal! Morar na França é a melhor maneira de aprender francês. Tem conseguido se comunicar em francês? Tente ao máximo e não tenha medo de errar. É normal, e é errando que se aprende. Abs!

      Likes(0)Dislikes(0)
  3. Texto muito bom, direto e ensinando que não há atalhos, e sim força de vontade e regularidade no aprendizido. Merci à vous!

    Likes(0)Dislikes(0)
    Post a Reply
  4. Olá! Que texto bom! Estou lendo muito tempo depois! Espero que vc me responda!
    Eu comecei a estudar francês em maio do ano passado por conta e tinha parado um pouco e voltei agora ! Aprender francês pra mim é um sonho! Quero ir com minha família para passar uns 6 meses para ver se consigo fluência!
    Adorei seus conselhos e vou seguir à risca! Espero um dia falar fluentemente esta língua que tanto amo! Já estive várias vezes em Paris, é a cidade que mais amo no mundo! Em quantos meses vc alcançou a fluência no idioma? Obrigada pelas dicas!

    Likes(0)Dislikes(0)
    Post a Reply
    • Olá,
      Desculpe a demora para responder. Espero que seus projetos em aprender francês tenham avançado.
      Para começar a se comunicar com frases simples demora uns dois meses quando a pessoa não chega com noção nenhuma da língua. Alcançar fluência demora um ou dois anos. Para ser bilingue demora bem mais. E é um aprendizado constante, estou sempre aprendendo alguma palavra ou expressão nova.
      Abraço!

      Likes(1)Dislikes(0)
  5. Ótimo texto; realmente não existe maneira mágica de aprender um idioma, é preciso estudo e esforço. Eu comecei há uns meses atrás a estudar com a Preply https://preply.com/pt/skype/professores-frances-para-iniciantes As aulas são por skype, o que as torna muito convenientes. Além disso, os professores são nativos e atenciosos. Recomendo muito para quem tiver interesse em aprender.

    Likes(0)Dislikes(0)
    Post a Reply
  6. Oi ! Estou pensando em fazer um curso de 3 meses na franç a . Estou no nível A2 . Ssrá que vale a pena ?

    Likes(0)Dislikes(0)
    Post a Reply
    • Olá,
      Vale muito a pena fazer curso de francês na França. Ainda mais que você já tem a noções do francês básico, vai aproveitar ainda mais. Três meses na França estudando é possível pular para o nível B2 no final do curso.
      Boa sorte!

      Likes(0)Dislikes(0)

Submit a Comment

Votre adresse de messagerie ne sera pas publiée. Les champs obligatoires sont indiqués avec *

Vous pouvez utiliser ces balises et attributs HTML : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>